Mande whats

(95) 99112-7188

1509

Catarina Guerra: "A aplicação da segunda dose em todo Estado caminha a passos lentos"

A fim de agilizar o processo de imunização da população com as duas doses e de acelerar a aplicação da terceira dose, a deputada estadual Catarina Guerra (SD) apresentou indicação a Indicação nº 1172/2021, na qual solicita ao Poder Executivo a antecipação da aplicação da segunda dose vacina contra a covid-19 para o público em geral do Estado de Roraima.

A parlamentar explica que atualmente, na capital roraimense, o prazo para as pessoas que já foram imunizadas com a vacina do laboratório Pfizer/BioNTech e AstraZeneca/Oxford é de 90 dias e CoronaVac/Butantan 21 dias, mas o processo de imunização ainda não é satisfatório.

"Dados disponibilizados pelo Vacinômetro-RR revelam que mais da metade da população da capital e dos municípios já foram imunizados com a primeira dose da vacina, enquanto a aplicação da segunda dose em todo Estado caminha a passos lentos", afirma.

Catarina relembra que no dia 10 de setembro de 2021, a Prefeitura de Boa Vista confirmou o primeiro caso da variante Delta na capital, que hoje está classificada no rol de preocupação pelo Ministério da Saúde devido à sua facilidade de transmissibilidade.

A parlamentar cita, ainda estudo publicado pela revista científica Nature, apontando que uma única dose das vacinas da Pfizer ou da AstraZeneca era pouco ou nada eficiente contra as variantes Delta e Beta, mas que duas doses são capazes de neutralizá-las.

O estudo, ressalta, confirma que receber a segunda dose de qualquer uma das duas vacinas gerou uma resposta neutralizante em 95% dos indivíduos. Em razão disso, várias capitais brasileiras iniciaram o reforço com a terceira dose para os idosos de 70 anos de idade e imunossuprimidos.

"Cabe ao poder público o dever de tomar a medida de encurtar o prazo para a imunização completa, a fim de ampliar a segurança da população contra a variante Delta", argumenta Catarina, ao defender a indicação, que foi uma das quatro de sua autoria lidas na sessão desta terça-feira, 14, da ALE-RR (Assembleia Legislativa de Roraima).

Nas outras indicações, Catarina solicita o restabelecimento do fornecimento do medicamento dopamina (Indicação nº 1169/2021) no HGR (Hospital Geral de Roraima); limpeza, manutenção e revitalização do Parque Aquático do Parque Anauá (Indicação nº 1170/2021) e a recuperação da ponte da vicinal 26, no município de São João da Baliza (Indicação nº 1171/2021).